SUMMA COSMOLOGIAE

  Fabián Ludueña Romandini

Título: Summa Cosmologiae. Breve tratado (político) de imortalidade. A comunidade dos
espectros IV

Autor: Fabián Ludueña Romandini
Ilustrador da capa: Julian Brzozowski
Ano 2021 | 1º edição
N˚ de páginas: 192

Dimensões : 23 cm X 16 cm 

ISBN: 978-65-86941-49-4




Sobre o livro

(...) A filosofia é assim redirecionada para algumas das suas questões cardeais, para as quais procura delinear respostas de um novo tipo: em que condições é a cosmologia o conhecimento que pode explicar problemas tão cruciais como a imortalidade ou a diferença sexual?
Em que sentido se pode falar, filosoficamente, de um Multiverso numa época em que, como Friedrich Hölderlin já havia salientado, a ciência parece incapaz de satisfazer as exigências dos espíritos criativos? Os postulados teóricos são acompanhados por uma incursão nos meandros da filosofia da história de nosso éon, caracterizado pela ascensão dos pós-humanos depois dos últimos dias da Humanidade.(...)


(...)Vivemos numa época em que as temáticas filosóficas que este livro aborda costumam ser recebidas com tons celebratórios. O fato se torna compreensível se pensamos que o credo dos Póstumos se fundamenta precisamente no elogio do tão irrefreável quanto temerário éon que está nascendo, impassível. Contudo, a atitude daqueles que temem o novo advento em curso reduz a problemática filosófica a modos circunstanciais de dominação ou exercício do assim
chamado poder. Neste estudo filosófico, não adotaremos nenhuma dessas duas perspectivas. Nosso propósito consiste no exame da nova episteme vigente em escala planetária e, se possível, na proposição de uma forma de pós-metafísica.(...)

Sobre a autor

Fabián Ludueña Romandini - autor Filósofo, doutor pela École de Hautes Études en Sciences Sociales de Paris. É pesquisador do Conselho Nacional de Pesquisas Científicas e Técnicas (CONICET) e do Instituto de Pesquisa "Gino Germani" da Faculdade de Ciências Sociais da Universidade de Buenos Aires. É professor titular de Filosofia na UADE. Autor de livros traduzidos para o inglês, italiano e português incluindo Homo Oeconomicus. Marsilio Ficino, Theology and Pagan Mysteries (2006); A comunidade de espectros I. Antropotecnia, (2010); Para além do princípio antrópico: por uma filosofia do Outsider, (2013); Princípios de espectrologia. A comunidade dos espectros II (2016), A ascensão de Atlas. Glossas sobre Aby Warburg (2017); Arcana Imperii. Tratado metafísico-político. A comunidade dos espectros III (2018) e Summa cosmologiae. Breve tratado (político) sobre a imortalidade. A comunidade dos espectros IV (2020).


sobre a capa

Um espaço desterritorializado onde as texturas do ser (objetos de estudo da sinecologia, como propõe Fabián) extravasam gozo, em um transbordar de libido - Voluptas Urania - que ilumina tal incompreensível caverna de carne. Do alto, uma entidade matematizada, quimera artificial de
uma metafísica póstuma, coleta os frutos de produção que os corpos/templos/zonas ontológicas oferecem em vazio sacrifício. Uma imagem com igual valor teológico o ateológico, filosófico ou mitológico. Uma  Summa  Cosmologiae.

Julian Brzozowski - Ilustrador da capa de Summa Cosmologiae
Doutor em Literatura pela Universidade Federal de Santa Catarina. Sua tese, intitulada "Filologia
Cósmica", aborda a leitura como um princípio da vida biológica. Ilustrador de profissão, assinou
as capas das edições brasileiras de Princípios de Espectrologia, Arcana Imperii e Summa
Cosmologiae de Fabián Ludueña. É compositor, instrumentista e regente da Orquestra
Manancial da Alvorada.