POLÍTICAS DA INIMIZADE    

Achille Mbembe 


 


Título  Políticas da Inimizade

Autor Achille Mbembe
Tradutor Sebastião Nascimento
Projeto gráfico Erico Peretta

Ano 2021 | 1º edição

N˚ de páginas 218

Dimensões 21 x 14cm

ISBN 978-65-86941-17-3

Preço de capa R$ 86,00



Sobre o livro

 

(...)   Todo ato de escrita implica, na verdade, o emprego de uma força ou de uma dissonância – que aqui chamamos de elemento. No caso em questão, trata-se de um elemento bruto e de uma força renhida, uma força muito mais de separação do que de reforço do vínculo – uma força de cisão e de real isolamento, aplicada exclusivamente sobre si mesma e que busca se eximir do resto do mundo ao mesmo tempo que almeja, em última instância, assegurar o domínio sobre ele. Na verdade, a reflexão a seguir tem por objeto o retorno da relação de inimizade a uma escala global, assim como suas múltiplas reconfigurações nas condições atuais. O conceito platônico de phármakon – a ideia de um medicamento que atua simultaneamente como remédio e veneno – constitui seu eixo central. Apoiando-se parcialmente na obra política e psiquiátrica de Frantz Fanon, será exposto como, na esteira dos conflitos da descolonização, a guerra (sob a égide da conquista e da ocupação, do terror e da contrainsurgência) se tornou, desde o final do século XX, o sacramento da nossa época.” (...)





Sobre o autor


Achille Mbembe  é professor de História e Ciência política na Universidade de Witwatersrand em Joanesburgo, na África do Sul, e um dos pensadores mais relevantes da atualidade. É autor, entre outros, de  Crítica da razão negra, Necropolítica  Brutalismo  (no prelo), todos publicados pela n-1edições.