A ÍNTIMA UTOPIA / INTIMATE UTOPIA

         Jean-Claude Polack / Danielle Sivadon


Title / Título Intimate Utopia / A íntima utopia

Author / Autor Jean-Claude Polack and Danielle Sivadon

Translation to portuguese / Tradução para o português Hortencia Santos Lencastre
Translation to english / Tradução para inglês Andrew Goffey
Year / Ano 2013
Number of pages / Nº de páginas: 384
Bilingual edition / Edição bilíngue Portuguese/English

Size/Dimensões 14,8x21cm

ISBN 978-85-66943-02-3

Preço de capa R$ 60,00

 

Intimate Utopia is a work aimed at all those who would not renounce to the accompany of madness, “this fragment of a mirror that each one of us keeps at arms length so that our own ruptures might be less strange to us.” From the reports of eight singular clinic experiences, the psychiatrists Jean-Claude Polack and Danielle Sivadon, inspired in part by Guattari and the schizoanalysis, seek to stimulate new approaches on the theme, establishing connections between clinics, literature, the plastic arts and music. An instigating work, written in an accessible manner, that puts in discussion the clinic work at the same time it shows the human dimension of psychosis.

 

A íntima utopia é uma obra destinada a todos aqueles que não querem renunciar ao acompanhamento da loucura, “esse fragmento de espelho que cada um carrega com grande esforço para que lhe sejam menos estranhas suas próprias rupturas”. A partir do relato de oito experiências clínicas singulares, os psiquiatras e psicanalistas Jean-Claude Polack e Danielle Sivadon, em parte inspirados por Guattari e a esquizoanálise, procuram estimular novas abordagens sobre o tema, estabelecendo conexões entre a clínica, a literatura, as artes plásticas e a música. Trata-se de uma obra instigante, escrita de maneira acessível, que discute o trabalho clínico ao mesmo tempo em que mostra a dimensão humana da psicose.

About the authors / Sobre o autores

 

Intimate Utopia is a work aimed at all those who would not renounce to the accompany of madness, “this fragment of a mirror that each one of us keeps at arms length so that our own ruptures might be less strange to us.” From the reports of eight singular clinic experiences, the psychiatrists Jean-Claude Polack and Danielle Sivadon, inspired in part by Guattari and the schizoanalysis, seek to stimulate new approaches on the theme, establishing connections between clinics, literature, the plastic arts and music. An instigating work, written in an accessible manner, that puts in discussion the clinic work at the same time it shows the human dimension of psychosis.

 

A íntima utopia é uma obra destinada a todos aqueles que não querem renunciar ao acompanhamento da loucura, “esse fragmento de espelho que cada um carrega com grande esforço para que lhe sejam menos estranhas suas próprias rupturas”. A partir do relato de oito experiências clínicas singulares, os psiquiatras e psicanalistas Jean-Claude Polack e Danielle Sivadon, em parte inspirados por Guattari e a esquizoanálise, procuram estimular novas abordagens sobre o tema, estabelecendo conexões entre a clínica, a literatura, as artes plásticas e a música. Trata-se de uma obra instigante, escrita de maneira acessível, que discute o trabalho clínico ao mesmo tempo em que mostra a dimensão humana da psicose.

About the authors / Sobre o autores

 

 

Karolina Kucia